Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

EPE prevê queda no consumo de energia em 2009

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) trabalha com a perspectiva de queda no consumo de energia em 2009 no Brasil. A redução é reflexo da previsão de ligeira desaceleração no crescimento econômico no próximo ano, de 5% para 4,5%, revelou o presidente da EPE, Maurício Tolmasquim.

Agência Estado |

"Fizemos a projeção com os juros se elevando, reduzindo o consumo para o ano que vem", explicou o executivo, que participou hoje do 9º Encontro de Negócios de Energia, promovido pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp).

Tolmasquim, porém, não soube precisar a redução no consumo de energia - o executivo evitou relacionar o fato com a crise no mercado global. O presidente da EPE disse que o efeito positivo dessa redução do consumo é que haverá uma sobra estrutural de energia, o que reduzirá o preço de liquidação das diferenças (PLD) de 2009. Mesmo para este ano o consumo de energia está abaixo do projetado pela EPE. "As temperaturas no País este ano foram mais amenas do que o esperado", justificou. A expectativa da EPE é que o Brasil retome o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em torno de 5% a partir de 2010.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG