As encomendas à indústria saltaram 1,3% em março, para US$ 391,5 bilhões, informou hoje o Departamento do Comércio dos Estados Unidos. A expectativa dos economistas era de queda de 0,1%.

As encomendas à indústria saltaram 1,3% em março, para US$ 391,5 bilhões, informou hoje o Departamento do Comércio dos Estados Unidos. A expectativa dos economistas era de queda de 0,1%. A alta em março foi a décima primeira em 12 meses.

O dado de fevereiro foi revisado em alta, para aumento de 1,3% nas encomendas, ante uma estimativa anterior de alta de 0,6%. Em março, as encomendas de bens manufaturados, excluindo transportes, subiram 3,1%. As encomendas de bens manufaturados, excluindo defesa, subiram 1,3%.

As encomendas de bens duráveis caíram 0,6% em março, segundo a revisão do dado divulgado anteriormente, que mostrava contração de 1,3%. Já os estoques de bens manufaturados subiram 0,3% em março. As encomendas de bens de capital de defesa cederam 1,1% em março. Os bens de capital excluindo defesa caíram 7%.

As encomendas não confirmadas de bens duráveis, um indicador de demanda futura, cederam 0,1%. Os embarques de todos os bens duráveis subiram 1,4%. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.