Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Encomenda à indústria cai em janeiro na zona do euro

As novas encomendas à indústria nos 16 países que utilizam o euro como moeda caíram inesperadamente em janeiro, em uma indicação de que a recuperação econômica permanece frágil. Segundo a agência de estatísticas Eurostat, as encomendas recuaram 2,0% em comparação com dezembro, deixando o dado 7,0% mais alto que o de janeiro do ano passado.

Agência Estado |

Economistas esperavam que as encomendas subissem 1,9% no mês e 14,1% no ano na zona do euro. Em dezembro, as encomendas subiram 0,8% ante novembro e 9,5% ante dezembro do ano anterior - o aumento anual mais forte em 20 meses.

Já as encomendas à indústria excluindo o volátil componente de equipamentos pesados para transporte - que inclui navios e equipamentos para ferrovias e aeroespaciais - recuaram 1,3% em janeiro ante dezembro, mas foram 7,0% mais fortes em relação a janeiro de 2009.

As encomendas de bens intermediários subiram 4,7% em janeiro ante dezembro e 12,6% em relação a janeiro do ano passado - o ganho anual mais forte desde abril de 2008. As encomendas de bens de consumo duráveis avançaram 0,6% no mês e 0,2% no ano.

De acordo com a Eurostat, as encomendas de bens de capital caíram 6,8% ante dezembro, mas subiram 5,5% na comparação com janeiro passado. Nas mesmas bases de comparação, as encomendas de bens de consumo não duráveis recuaram 2,1% e 3,5%, respectivamente. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG