WebJet cancela 28% dos voos após suspensão de vendas pela Anac

SÃO PAULO (Reuters) - A quarta maior companhia aérea do país, WebJet, cancelou até o final da manhã desta terça-feira 14 voos de um total de 50 previstos, apontam dados da Infraero, estatal que administra aeroportos do país.

O número corresponde a índice de 28 por cento, melhora ante o quadro da véspera, quando a WebJet teve de cancelar cerca de metade de seus voos previstos para não ultrapassar o limite legal de horas de voo de tripulantes. Os cancelamentos culminaram com decisão da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) de suspender a venda de passagens pela empresa até sexta-feira.

No total, o número de voos cancelados no país até às 11h era de 90, cerca de 10 por cento de 904 partidas programadas.

A Gol apresentava o segundo maior índice de cancelamentos até o horário, 12,1 por cento, com 38 voos cancelados de um total de 314 previstos. A TAM tinha cancelamentos de 19 voos de um total de 301, equivalente a 6,3 por cento.

Às 11h48, as ações da TAM exibiam queda de 0,47 por cento enquanto os papeis da Gol caíam 0,15 por cento. O Ibovespa subia 0,05 por cento.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.