Publicidade
Publicidade - Super banner
Empresas
enhanced by Google
 

Vendas da Diageo, dona do uísque Johnnie Walker, crescem 9%

No crescimento por região, os mercados de América Latina e Caribe têm destaque

Valor Online |

As vendas orgânicas da Diageo - fabricante da Guinness, do Johnnie Walker e da Smirnoff - cresceram 9% no primeiro trimestre do ano fiscal 2012, encerrado em 30 de setembro, na comparação com o mesmo período de 2010.

Leia também: Vendas da Diageo crescem no Brasil

No crescimento por região, os mercados emergentes têm destaque. Enquanto as vendas subiram 5% na América do Norte e 6% na Europa, avançaram 30% na América Latina e no Caribe e 14% na Ásia. Na África, a alta foi de 9%. Na América do Norte, o crescimento das vendas líquidas foi obtido por meio de uma mudança no mix e aumento de preços, já que o volume vendido recuou 2%.

"O crescimento das vendas líquidas ficou marginalmente acima das expectativas", afirmou o diretor executivo da Diageo, Paul Walsh em nota. "Temos realizado um mix positivo de preço na América do Norte, uma melhoria no crescimento das vendas líquidas na Europa e um forte crescimento nos mercados em desenvolvimento".

A maior destilaria do mundo aproveitou o balanço de vendas para informar que os movimentos do câmbio, com o fortalecimento da libra esterlina, devem reduzir o lucro operacional para o ano fiscal encerrado em 30 de junho de 2012 em aproximadamente 35 milhões de libras (ou US$ 54,75 milhões) com relação a 2011.

Leia tudo sobre: diageoJohnnie Walkerbebidasvendasempresas

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG