Como já era esperado pelo mercado, mineradora anuncia ter abandonado projeto avaliado em 70 bilhões de libras esterlinas

selo

A mineradora Rio Tinto confirmou ter abandonado o plano de estabelecer uma joint venture (associação) com a BHP Billiton para união das operações de minério de ferro, após uma série discussões com órgãos reguladores.

Segundo a Rio Tinto, ambas as partes receberam aconselhamento de vários reguladores antitruste e concluíram que o acordo não seria aprovado, pois algumas das contrapartidas exigidas não seriam aceitáveis para nenhuma das partes - incluindo desinvestimentos. As partes concordaram que não haverá nenhuma multa de rompimento, de acordo com a Rio Tinto. Anteriormente, a multa era de US$ 250 milhões.

O projeto era avaliado em 70 bilhões de libras esterlinas (US$ 111,86 bilhões), conforme informou o jornal britânico Times no domingo. Poucos analistas esperavam que o acordo fosse concluído.

O último golpe contra a associação foi um relatório do Escritório de Cartel da Alemanha, divulgado na semana passada, dizendo que nos moldes atuais o acordo seria inaceitável. Grandes investidores comentaram a decisão e disseram que teria sido mais surpreendente se a joint venture tivesse dado certo. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.