Norueguesa Statkraft investe em energia no Peru e mira Brasil

OSLO (Reuters) - A empresa norueguesa de energia Statkraft afirmou nesta quinta-feira que vai investir 400 milhões de dólares na usina hidrelétrica Cheves, no Peru, e que busca aumentar sua participação na América do Sul.

A empresa estatal, maior produtora de energia renovável da Europa, informou que a construção da usina peruana de 168 megawatts (MW) começaria em 2011 e a finalização é prevista para o final de 2013.

"Somos o quinto maior provedor de eletricidade no país. Queremos manter nossa posição no mercado, e também vemos no Peru um interessante mercado futuro", afirmou à Reuters a porta-voz da unidade SN Power, controlada pela Statkraft, Elsbeth Tronstad.

Ela afirmou ainda que a SN Power planeja iniciar dois projetos hidrelétricos no Chile no final de outubro, cada um com capacidade de 150 MW.

"Ainda não temos projetos no Brasil, mas vemos o mercado brasileiro como muito interessante para nós no futuro", disse Tronstad.

O Brasil, maior economia da América Latina, busca aumentar o fornecimento de energia para alimentar o seu crescimento industrial, e o Peru prevê a construção de várias usinas, em parte para exportar energia ao país vizinho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.