Publicidade
Publicidade - Super banner
Empresas
enhanced by Google
 

Lucro da Infosys cresce 18% no segundo trimestre fiscal

SÃO PAULO - A indiana Infosys Technologies, especializada em prestação de serviços de Tecnologia da Informação, registrou lucro líquido de US$ 374 milhões no segundo trimestre fiscal encerrado em 30 de setembro, um avanço de 18% na comparação com o ganho de US$ 317 milhões observado um ano antes

Valor Online |

SÃO PAULO - A indiana Infosys Technologies, especializada em prestação de serviços de Tecnologia da Informação, registrou lucro líquido de US$ 374 milhões no segundo trimestre fiscal encerrado em 30 de setembro, um avanço de 18% na comparação com o ganho de US$ 317 milhões observado um ano antes. A receita da companhia atingiu US$ 1,49 bilhão entre julho e setembro, um avanço de 29,6% sobre a receita de US$ 1,15 bilhão obtida um ano antes. Na comparação com o trimestre anterior, a receita da empresa cresceu 10,2%, informou hoje a empresa. O ganho por ação, em American Depositary Share (ADS), foi de US$ 0,65 no segundo trimestre fiscal - incremento de 16,1% em um ano. "Embora o cenário econômico continue desafiador, alavancamos no relacionamento com o cliente,em soluções e investimentos para crescer mais rápido neste trimestre", disse o diretor-executivo e administrativo da Infosys, S. Gopalakrishnan. "Há motivadores significativos para investimentos em Tecnologia da Informação tendo em vista que qualquer programa de transformação para criar as ?empresas do futuro' demanda estes investimentos", comentou o executivo. A empresa adicionou 27 novos clientes à sua base entre julho e setembro. Para o trimestre encerrado em 31 de dezembro, a Infosys espera atingir uma receita entre US$ 1,54 bilhão e US$ 1,56 bilhão - crescimento anual entre 25,6% e 26,8%. O ganho estimado por ação - American Depositary Share (ADS) - no período está na faixa de US$ 0,66 a US$ 0,67, sinalizando avanço de 11,9% a 13,6% em relação ao obtido um ano antes. No ano fiscal de 2011, encerrado em 31 de março, a empresa tem a meta de alcançar uma receita entre US$ 5,95 bilhões e US$ 6 bilhões, um crescimento entre 24% e 25%, e ganhos por ADS de US$ 2,54 a US$ 2,58 - avanço de 10,4% a 12,2% em relação ao ano fiscal de 2010. (Daniela Braun | Valor)

Leia tudo sobre: Empresas

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG