Tamanho do texto

Além da paralisação, os petroleiros vão realizar operações-padrão nas unidades da estatal

selo

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) informou nesta segunda-feira que a categoria aprovou estado de greve e promoverá uma paralisação de oito horas na próxima sexta-feira, dia 3. O objetivo é pressionar a Petrobras a ceder nas negociações salariais. Além da paralisação, os petroleiros vão realizar operações-padrão nas unidades da estatal. 

"Além de não avançarem no processo de negociação, (os gestores da companhia) ainda discriminaram a categoria com o indecoroso abono pago aos gerentes e demais funções gratificadas, em plena campanha salarial", diz a FUP, em nota oficial.

A entidade reivindica um ganho real de 10% nos salários e reclama de políticas da Petrobras que "privilegiam quem ganha mais", ao vincular os abonos ao valor dos rendimentos de cada empregado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.