Companhia tem 100% de participação no bloco que abriga o poço OGX-15

A OGX - braço petroleiro do grupo do empresário Eike Batista (EBX) - anunciou hoje que voltou a identificar a presença de hidrocarbonetos com a continuidade dos trabalhos de perfuração do poço OGX-15, situado em águas rasas da parte sul da Bacia de Campos, a aproximadamente 78 quilômetros da costa do Rio de Janeiro.

Após as descobertas no mesmo poço anunciadas na terça-feira, a perfuração prosseguiu até a chamada seção aptiana, onde foram encontradas rochas carbonáticas com a presença de hidrocarbonetos em dois intervalos, com net pays (seções do reservatório saturadas com petróleo ou gás) de aproximadamente 4 e 27 metros.

A empresa diz que a perfuração seguirá até a profundidade total estimada de aproximadamente 3,5 mil metros.

A OGX tem 100% de participação no bloco que abriga o poço. Uma sonda iniciou as atividades de perfuração no dia 18 de junho.

Em nota, Paulo Mendonça, diretor-geral da companhia, informa que ainda serão feitos testes de pressão para verificar a conectividade desses reservatórios com os encontrados em outros dois poços, o OGX-2 e o OGX-6.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.