A proposta do presidente brasileiro foi bem recebida pelo governo kuwaitiano

selo

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva propôs hoje parceria com empresários e autoridades do Kuwait em obras de infraestrutura e na exploração de petróleo no Brasil. Segundo ele, a descoberta da camada pré-sal no litoral brasileiro abre "horizontes promissores" para participação de capital kuwaitiano.

O presidente Lula com o primeiro-ministro do Kuwait, xeque Nasser al Sabah
Reuters
O presidente Lula com o primeiro-ministro do Kuwait, xeque Nasser al Sabah

No discurso antes do almoço de recepção ao primeiro-ministro do Kuwait, xeque Nasser al Sabah, Lula ressaltou que o comércio entre os dois países passou de US$ 87 milhões, em 2002, para mais de US$ 650 milhões em 2008. "Não temos dúvidas de que há potencial para em pouco tempo desenvolvermos muitos mais esse fluxo", disse o presidente.

A proposta do presidente brasileiro foi bem recebida pelo governo kuwaitiano. "O setor privado do Kuwait tem de entrar aqui no Brasil, especialmente na área de investimentos", afirmou Nasser al Sabah. "Olhamos o Brasil não só como um país amigo, mas um dos países que mais admiramos e temos respeito", disse. Ele defendeu o aumento do número de empresas aéreas que fazem o transporte de passageiros entre Brasil e Kuwait. Atualmente duas companhias fazem a rota e segundo o xeque, há potencial para outras duas.

    Leia tudo sobre: lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.