Intenção é usar a refinaria de Nansei como centro de distribuição a vários países asiáticos

A Petrobras planeja comprar da multinacional japonesa Sumitomo a cota de 12,5% que possui na refinaria de Nansei, em Okinawa (sul do Japão), o que lhe permitirá controlar a totalidade de seu capital, informou hoje o jornal japonês "Nikkei". A empresa brasileira adquiriu em abril de 2008 a fatia de 87,5% da refinaria de Nansei pelo valor de 5,5 bilhões de ienes, e agora decidiu adquirir a cota restante, segundo o Nikkei, que não indica a quantia da operação.

No começo deste ano foram conhecidos os planos da Petrobras de utilizar a refinaria de Nansei como centro de distribuição para aumentar a provisão de petróleo a vários países asiáticos, entre eles Índia, Coreia do Sul e China. No ano passado, a Petrobras assinou um acordo com a chinesa Unipec Asia, subsidiária da estatal Sinopec, para fornecer até 150 mil barris diários no primeiro ano do acordo e até 200 mil barris ao dia durante os nove anos seguintes. Segundo o "Nikkei", a Sumitomo poderia utilizar os fundos conseguidos com a venda de sua cota na Nansei para adquirir novos direitos em campos petrolíferos e investir em projetos no estrangeiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.