Investimento na fábrica do ABC paulista, que deverá produzir quatro novos modelos de carros até 2012, será de R$ 700 milhões

A fábrica da General Motors em São Caetano do Sul (SP) vai produzir quatro novos modelos até 2012. Um deles, provavelmente um utilitário-esportivo que será totalmente desenvolvido no Brasil para lançamento daqui a dois anos, também será feito na Indonésia e em outro país da Ásia, seguindo a tendência dos chamados carros globais.

Para desenvolver e produzir esse veículo, a montadora destinou à unidade mais R$ 700 milhões, concluindo assim a divisão do programa de R$ 5 bilhões de investimentos anunciado para o período de 2008 a 2012. “Por enquanto, estamos utilizando apenas nosso fluxo de caixa, mas já temos pré-aprovados recursos (de bancos públicos) aos quais poderemos recorrer, se necessário”, disse o presidente da GM do Brasil, Jaime Ardila.

Com esse aporte, a fábrica do ABC paulista ficará com a maior parcela do plano quinquenal do grupo (R$ 2,05 bilhões). O primeiro produto resultante desse investimento será lançado nos próximos meses. Trata-se da picape derivada do Agile. A unidade emprega hoje cerca de 10 mil trabalhadores e novas vagas devem ser abertas ao longo dos próximos meses, mas a GM não informou números.

Os outros modelos a serem feitos em São Caetano são dois sedãs. As apostas do mercado são para mais um derivado de Agile e o Cruze, que deve substituir o Vectra. A montadora produz na unidade os modelos Astra, Vectra e Classic e tem capacidade para 220 mil veículos ao ano em dois turnos, hoje toda ocupada, segundo Ardila. Com o investimento, a capacidade será ampliada para 280 mil automóveis. Ao todo, a GM planeja oito novos modelos até 2012, quando concluirá a renovação da gama de produtos. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.