Resultado foi influenciado por fortes vendas de medicamentos para tratamento de diabetes, artrite e HIV

A Merck apresentou nesta sexta-feira resultados para o segundo trimestre acima do esperado pelo mercado, favorecida por fortes vendas de medicamentos para tratamento de diabetes, artrite e HIV.

A farmacêutica norte-americana, que em novembro concluiu a aquisição da Schering-Plough por US$ 41 bilhões, teve lucro de US$ 752 milhões, cerca de R$ 1,3 bilhão, ou US$ 0,24 por ação, comparado a ganho de US$ 1,56 bilhão, ou US$ 0,74 por ação um ano antes.

Excluindo itens extraordinários, o lucro foi de US$ 0,86 por ação. Analistas esperavam, em média, ganho de US$ 0,83 por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A Merck informou que espera lucro anual entre US$ 3,29 e  US$ 3,39 por ação, excluindo itens não-recorrentes, um leve ajuste ante a previsão anterior, de  US$3,27 a  US$ 3,41 por ação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.