A operação ainda será analisada pelos acionistas das duas empresas, em assembleia geral ainda não agendada

A Diagnósticos da América (Dasa) assinou no domingo um memorando de entendimentos para a incorporação da MD1 Diagnósticos, holding que engloba laboratórios do ramo de análises clínicas e diagnósticos por imagem. De acordo com o fato relevante divulgado nesta segunda-feira, a operação tem como objetivo fortalecer a posição da Dasa naqueles mercados. Para isso, a MD1 terá de passar por um processo de reorganização societária, para que se torne proprietária legítima das sociedades que compõem a holding.

O memorando ainda prevê a aquisição direta, por cerca de R$ 88,2 milhões, de cotas de alguns dos laboratórios que compõe a MD1. Pelo acordo, a Dasa terá 10% da Pro Echo Serviços Médicos, 28% da Clínica de Ressonância e Multi Imagem (CRMI) e 16,5% da Clínica de Diagnóstico por Imagem (CDPI). Se a transação for concluída, o capital da Dasa será aumentado, com a emissão de novos papéis destinados aos acionistas da MD1.

Segundo o memorando de entendimentos, a relação de troca será estabelecida com base no valor da MD1, estimado inicialmente em 26,36% do capital da Dasa. A operação ainda será analisada pelos acionistas das duas empresas, em assembleia geral ainda não agendada. Vale lembrar que a incorporação ainda está sujeita à aprovação dos órgãos do Sistema Brasileiro de Defesa da Concorrência.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.