Aprovação ocorreu por unanimidade e sem restrições

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou hoje, em sessão plenária, sem restrições e por unanimidade, a aquisição da Kaiser S.A. pela Heineken Brasil. O negócio entre as duas cervejarias já havia sido viabilizado por um acordo firmado entre a Heineken e as empresas que têm 82,95% do controle do capital social da Kaiser - os demais 17,05% da cervejaria já eram detidos pela Heineken.

A aquisição contém cláusula de não-concorrência, que é uma informação tratada, hoje, como confidencial. Em outras situações, no passado, a empresa vendedora se comprometia a não atuar novamente no mesmo mercado por um prazo de até cinco anos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.