SÃO PAULO - A Gerdau informou nesta segunda-feira que suas principais unidades industriais no Chile, localizadas em Colina e Renca, na região de Santiago, estavam operando quando ocorreu o terremoto no país na madrugada do último sábado. Todos colaboradores foram retirados dos respectivos locais, com toda segurança, afirma a siderúrgica em comunicado.

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237561401015&_c_=MiGComponente_C

"Já estão em curso as perícias para avaliação técnica de possíveis danos na estrutura dos prédios e equipamentos para melhor definir quando será possível a retomada das operações", acrescentou a empresa.

Leia mais sobre: Gerdau

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.