Quase 60 casos de sucesso serão apresentados durante evento nacional voltado à inovação nas companhias

Promovida pela Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras (Anpei) _ que reúne empresas como Whirlpool, Vale e Braskem_ a X Conferência Anpei de Inovação Tecnológica terá como tema “Cooperação para Inovação Sustentável”. Um dos eventos mais importantes ligados à inovação no País, a conferência deverá reunir, em Curitiba, entre os dias 26 e 28 de abril, mais de 700 participantes, entre empresários, executivos, acadêmicos, pesquisadores e representantes dos meios governamentais.

 Com o objetivo de ampliar a perspectiva empresarial em sustentabilidade e incentivar o desenvolvimento de novos projetos, a Anpei convidou palestrantes internacionais que possam oferecer percepções de diferentes partes do mundo sobre o assunto. Entre eles, Stuart Hart, presidente e fundador do Centro das Empresas Globais Sustentáveis da S.C. Johnson na Universidade de Cornell (EUA) e um dos maiores especialistas no efeito das estratégias empresariais sobre o meio ambiente e pobreza. Hart deverá falar sobre o “Novo DNA das empresas: Inovação e Sustentabilidade”.

 Também estarão presentes as autoras do livro “The Future of Innovation”, a russa Anna Trifilova e a alemã Bettina von Stamm. As pesquisadoras reuniram a visão de 225 especialistas, entre empresários e consultores de setores públicos e privados, de 60 países sobre o futuro da inovação.

Casos de sucesso envolvem cooperação, sustentabilidade e inovação

 Durante os três dias do evento, que conta com o apoio da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), serão apresentados 55 casos de sucesso escolhidos entre as mais de 105 propostas enviadas por 64 empresas. Mario Barra, coordenador da conferência e membro da diretoria da Anpei, explica que critério para seleção foi o envolvimento com os temas cooperação, sustentabilidade e inovação. “Além disso, os casos deveriam ser práticos, com preferência para os que já tenham sido aplicados”, diz.

 A conferência terá ainda uma série de dinâmicas. Ronald Dauscha, diretor de inovação do sistema FIEP e ex-presidente da Anpei, afirma que serão abordados três aspectos nas dinâmicas. “O primeiro é o tema relacionamento, que possibilitará a ampliação da rede de contatos dos participantes, assim como a possibilidade de investimentos em inovação; o segundo é o conhecimento transmitido nas palestras, e o terceiro será o aprendizado recebido pelos participantes através da apresentação dos cases”, diz.

 Ao final das dinâmicas, será elaborado um documento que reunirá as idéias criadas e os resultados obtidos. Órgãos do governo, empresários da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI) receberão o relatório. Além disso, o material também será divulgado na 4ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (CNCTI) que acontecerá entre os dias 26 e 28 de maio, em Brasília. “Nossa expectativa é que o relatório permita que as idéias apresentadas tenham resultados a médio e longo prazo”, diz Barra.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.