Para agência, operadora será "substancialmente" beneficiada por venda da Vivo

 A agência de classificação de risco Standard & Poor's (S&P) anunciou na sexta-feira uma melhoria da classificação "BBB" que atribui à dívida de longo prazo da Portugal Telecom (PT) ao retirar da mesma a perspectiva "negativa".

Em comunicado, a S&P considerou que a operadora lusa sairá "substancialmente" beneficiada no capítulo do crédito após vender, no fim de julho, à espanhola Telefónica 50% da Brasicel, sociedade que controla 60% da operadora de celular Vivo, em uma operação avaliada em 7,5 bilhões de euros. Este depósito compulsório "fortalecerá" o perfil financeiro do grupo luso, acrescenta S&P, que mantém A-2 a classificação para a dívida da empresa no curto prazo.

Como consequência da venda de Vivo, a PT entrou na operadora móvel brasileira Oi, a quarta do país e a primeira de rede fixa, com uma participação de 22,4% em troca de perto de 3,750 bilhões de euros. "Antecipamos que, a esta altura, o perfil financeiro da PT vai permanecer sólido se o grupo completar a anunciada transação com grupo Telemar", no qual passa a integrar a Oi, assinala S&P.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.