Publicidade
Publicidade - Super banner
Empresas
enhanced by Google
 

Megalojas virtuais aderem a tradicional promoção americana

Ponto Frio, Submarino e Extra se inspiram no Black Friday, o dia das grandes promoções nos EUA, para oferecer descontos de até 70%

Bruna Bessi, iG São Paulo |

Getty Images
Loja oferece desconto na Califórnia antes mesmo do Black Friday: no Brasil, promoção ficará restrita ao comércio eletrônico
Nesta sexta-feira, mais uma tradição americana chega ao País: o Black Friday (Sexta-feira Negra). É neste dia que os grandes varejistas dos EUA acabam com seus estoques e oferecem aos consumidores descontos elevados. Para aproveitar o momento, empresas de varejo como Ponto Frio, Submarino, Extra e sites como o da Apple e Busca Descontos adaptam a tradição ao e-commerce e oferecem descontos de até 70% em seus sites em produtos como eletrodomésticos e peças de vestuário.

Até a meia-noite de hoje, mais de 50 produtos como televisores, DVDs, celulares, livros, tênis e camisetas estarão com descontos entre 10% e 70% no site Busca Descontos, que reunirá as ofertas das grandes redes de comércio eletrônico. “Queremos oferecer as promoções mais interessantes e vantajosas. Ainda estamos na negociação para colocar bons descontos o dia inteiro”, diz Pedro Eugenio, fundador do site. A campanha, disponível 24 horas, baseia-se no tradicional dia de descontos americano que acontece na sexta-feira após o feriado do Dia de Ação de Graças.

No Brasil, o site negociou as promoções por duas semanas com as principais lojas de varejo como Extra, Walmart, Ponto Frio e Compra Fácil. A rede Walmart, que busca uma interação maior com o público por meio das redes sociais, está com boas expectativas para o Black Friday. “Já fizemos campanhas de descontos em nossas lojas virtuais, mas nada se compara às vantagens que conseguimos para hoje no site do Busca Descontos”, diz Roberto Wajnsztok, diretor de e-commerce do Walmart Brasil. “Com a boa repercussão do evento, estamos otimistas e com a expectativa de um aumento nas vendas totais de até 20%.”

Para ter acesso às promoções no Busca Descontos não é necessário fazer cadastro; basta acessar ao site e efetuar a compra. São mais de 200 lojas do varejo parceiras e as promoções atualizadas sempre que há novas ofertas ou quando os estoques dos produtos acabam. Com grande expectativa, Eugenio acredita no sucesso da campanha promocional. “Já conseguimos mais de um milhão de usuários desde o início do site e acredito que esse número aumentará bastante com o Black Friday”, diz o empresário. “A repercussão é muito grande também nas redes sociais, já que os usuários do Twitter estão muito empolgados.”

Reprodução
O site Busca Descontos

Além das promoções no Busca Descontos, os varejistas vão aproveitar a oportunidade e manter as ofertas em suas páginas na internet. O “dia especial de compras” da Apple também acontece hoje em sua loja virtual com descontos de 10% em alguns produtos. O Ponto Frio é outra rede de varejo que busca hoje turbinar as vendas antecipadas do Natal e aproveitar o momento americano, oferecendo descontos por meio de seu perfil no Twitter e site.

Mercado eletrônico em alta

Segundo a Camara-e.net (Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico), o faturamento do comércio eletrônico brasileiro deve atingir R$ 15 bilhões até o fim de 2010, um aumento de 39% em relação ao ano anterior. “Com a economia aquecida, o e-commerce irá se expandir rapidamente. O Black Friday é mais uma oportunidade de os comerciantes ampliarem suas vendas”, diz Claudio Felisoni de Angelo, presidente do Conselho da Programa de Administração do Varejo (Provar). “Acredito que o evento trará uma reação em cadeia no comércio e que o Dia de Descontos acontecerá também nas lojas físicas do varejo já no ano que vem”. Hoje, o País conta com 70 milhões de usuários de internet e há perspectiva de que os e-consumidores cheguem a 23 milhões ao final deste ano.

Leia tudo sobre: comércio eletrônicoblack fridayponto friovarejo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG