Tamanho do texto

FAB anunciou a compra de 28 jatos militares de carga do modelo KC-390; já a Republic fechou acordo para aquisição de 24 jatos

A Força Aérea Brasileira (FAB) anunciou nesta quarta-feira que pretende comprar 28 jatos militares de carga do modelo KC-390, fabricados pela Embraer. A informação foi divulgada durante o salão aeronáutico de Farnborough, na Inglaterra. A previsão é de que o primeiro voo do KC-390 ocorra em 2014, e que as aeronaves entrem em serviço até o fim de 2015.

"Este anúncio reforça nossa motivação e o comprometimento em conceber um produto de última geração que deverá superar os requisitos da FAB e as expectativas do mercado", disse em nota o vice-presidente para o Mercado de Defesa da Embraer, Orlando José Ferreira Neto.

O programa de desenvolvimento do modelo KC-390 foi assinado entre as companhias em abril do ano passado, segundo comunicado publicado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). De acordo com a Embraer, o projeto do jato militar de alta tecnologia segue conforme o cronograma. A capacidade de carga do KC-390 corresponde a 23,6 toneladas, e, por ser mais rápido do que os concorrentes, poderá operar em pistas curtas e semi-preparadas.

Os jatos militares terão como missão principal o transporte de tropas e cargas, incluindo as regiões da Antártida e da Amazônia. Também serão utilizados para resgates e reabastecimento.

Republic

Também durante o salão aeronáutico de Farnborough, a Embraer assinou um protocolo de intenções com a Republic Airlines, para a venda de 24 jatos modelo 190. O valor total do acordo é estimado em US$ 960 milhões e a primeira entrega está programada para o primeiro semestre de 2011. A frota da Republic Airlines é composta por 145 jatos da Embraer, que operam nas cores da Delta Connection, Frontier Airlines, Midwest Airlines, United Express e US Airways Express.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.