Publicidade
Publicidade - Super banner
Empresas
enhanced by Google
 

Em ano de PIB recorde, circulação de jornais cresce 1,5% em 2010

Segundo dados do IVC, "Folha de S.Paulo" perdeu no ano passado liderança para jornal popular "Super Notícias"

iG São Paulo |

Num ano em que a economia cresceu 7,5% de acordo com as projeções oficiais, a circulação de jornais no Brasil apresentou alta de 1,5% em 2010, segundo dados preliminares do Instituto Verificador de Circulação (IVC), divulgados nesta semana pela revista especializada de propaganda e marketing Meio & Mensagem (M&M). Em 2009, o IVC havia detectado uma queda de 6,9% na circulação de jornais no Brasil.

A grande novidade no ranking anual dos maiores jornais do Brasil surgiu no topo do ranking. Em 2010, a liderança passou para as mãos do jornal “Super Notícia”, de Belo Horizonte. O diário popular destronou a “Folha de S.Paulo”, que ocupava esta posição desde 1986.

O jornal, vendido a R$ 0,25, já tinha ficado na liderança entre os maiores jornais do País em alguns meses, mas acabou ficando como o líder se considerados os números consolidados do ano passado. Na média diária, segundo os dados do IVC, o “Super Notícia” teve uma circulação de 295.701 exemplares, ante a circulação de 294.498 do jornal paulista. Os números finais da circulação dos jornais em 2010 deverão ser divulgados pelo IVC nos próximos dias.

Veja o ranking dos 10 maiores jornais brasileiros segundo o número de circulação média diária em 2010:

  1. Super Notícia: 295.701
  2. Folha de S. Paulo 294.498
  3. O Globo: 262.435
  4. Extra: 238.236
  5. O Estado de S. Paulo: 236.369
  6. Zero Hora: 184.663
  7. Meia Hora: 157.654
  8. Correio do Povo: 157.409
  9. Diário Gaúcho: 150.744
  10. Lance: 94.683
Leia tudo sobre: jornaisimprensacirculaçãoivc

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG