Ganho da empresa, de US$ 207 milhões, cresceu 46% no período, mas ficou abaixo das expectativas

selo

O lucro da Amazon.com no segundo trimestre cresceu 46% em relação a igual período do ano passado, para US$ 207 milhões - ou US$ 0,45 por ação -, informou a companhia nesta quinta-feira. No entanto, as as ações da empresa caíam de forma acentuada no after hours porque o resultado foi inferior às expectativas de analistas, que esperavam um lucro por ação de US$ 0,54.

O preço da ação da companhia atingiu um nível recorde em abril, mas desde então recuou e, com o fechamento desta quinta-feira, acumula queda de 11% em 2010.

As vendas líquidas da Amazon cresceram para US$ 6,57 bilhões no segundo trimestre - aumento de 41% em relação ao mesmo trimestre de 2009 - e ficaram dentro da faixa estimada pela empresa em abril, que ia de US$ 6,1 bilhões a US$ 6,7 bilhões. A margem bruta da companhia subiu para 24,5%, de 24,4%.

O executivo-chefe da Amazon, Jeff Bezos, disse que a empresa está registrando um rápido crescimento nas vendas do Kindle, um leitor de livros digitais. A companhia cortou os preços do aparelho após a introdução do iPad, da Apple, e no início desta semana anunciou que as vendas do dispositivo triplicaram desde então.

Para o terceiro trimestre, a Amazon estimou uma receita de US$ 6,9 bilhões a US$ 7,63 bilhões, enquanto analistas consultados pela Thomson Reuters esperavam uma previsão de receita em torno de US$ 7,15 bilhões. A companhia também previu uma queda no lucro operacional do terceiro trimestre. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.