Tamanho do texto

SÃO PAULO - Com faturamento bruto de R$ 40 bilhões, a nova empresa Pão de açúcar/Casas Bahia seria a quarta maior entre empresas de capital aberto brasileiras, segundo levantamento da consultoria Economática.

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237575345563&_c_=MiGComponente_C

O novo grupo seria ficaria atrás somente de Petrobras, Vale e Gerdau.

AE
Os empresários Michael Klein (d) e Abilio Diniz

O Pão de Açúcar confirmou nesta sexta-feira em nota ao mercado a compra da Casas Bahia, com a integração dos negócios no setor de varejo de bens duráveis com a Globex.

A integração será realizada por intermédio da subsidiária Mandala Empreendimentos e Participações - unidade pela qual também foi realizada a compra da Globex.

Na nota, o grupo informa que, a partir da associação, passará a contar com 1.807 lojas, incluindo lojas de super e hipermercados, postos e drogarias, com faturamento de aproximadamente R$ 40 bilhões e mais de 137 mil funcionários ¿ o maior empregador privado do Brasil.

Com a aquisição da Casas Bahia, o Pão de Açúcar também se torna o terceiro maior grupo privado não financeiro nacional do País.

Assista ao vídeo

Leia também:

  • Butique financeira assessorou Pão de Açúcar
  • "Tendência de sobreposição será avaliada", diz Cade
  • Operação poderá reduzir preços, dizem especialistas 

    Leia mais sobre: Pão de Açúcar

      Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.