Anac suspende venda de passagens da WebJet até 6a-feira

SÃO PAULO (Reuters) - A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu suspender até sexta-feira a venda de passagens da quarta maior companhia aérea do país depois que a empresa cancelou cerca de metade dos seus voos nesta segunda-feira.

Segundo a autarquia, um crescimento nos índices de voos cancelados da WebJet vinha sendo acompanhado desde agosto, quando eram de 2,4 por cento. A taxa subiu para 5,7 por cento este mês e atingiu 9,7 por cento na última semana.

"Com o aumento do número de cancelamentos verificado hoje, a Anac decidiu suspender a venda de bilhetes nos voos programados até sexta-feira e intensificar a fiscalização da companhia", afirma a agência em comunicado à imprensa.

Até as 14h desta segunda-feira, a WebJet suspendeu 47,2 por cento dos voos programados para o dia, afirma a Anac.

Em julho, a Anac multou a WebJet em 225 mil reais por ter excedido carga horária da tripulação e afirma que "medidas mais severas poderão ser tomadas ao longo da semana se a situação não for equacionada pela empresa".

Mais cedo, a assessoria de imprensa da agência havia confirmado que a empresa decidiu cancelar os voos para evitar ultrapassar o limite de horas de voo dos tripulantes. A legislação brasileira determina que o tripulante de aviões a jato, como os usados pela WebJet, não pode ultrapassar 85 horas de tempo de voo por mês.

Procurada, a WebJet informou em comunicado que os cancelamentos e atrasos causam "problemas localizados em alguns aeroportos". Segundo a companhia, "o forte crescimento da demanda em setembro levou a empresa a remanejar passageiros por meio de contatos antecipados via call center".

Sem informar quantos passageiros foram afetados pelos problemas, a empresa afirma que "90 por cento deles foram avisados previamente, evitando deslocamentos desnecessários até os aeroportos".

A companhia afirma que está tomando medidas para realocar passageiros em voos da própria WebJet e de outras companhias.

Entre o final de julho e início de agosto, a Gol também enfrentou problemas significativos de atrasos e cancelamentos. Na época, a implantação de um novo sistema de horários de tripulantes pela empresa acabou afetando mais de 300 voos da companhia. A Anac acabou decidindo multar a empresa em 2 milhões de reais.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.