Tamanho do texto

São Paulo, 16 - A receita cambial com exportação de café verde apresentou elevação de 21,24% nos primeiros oito meses do ano, em comparação com o mesmo período do ano passado

selo

São Paulo, 16 - A receita cambial com exportação de café verde apresentou elevação de 21,24% nos primeiros oito meses do ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. O faturamento alcançou US$ 2,836 bilhões, ante US$ 2,339 bilhões, conforme relatório da Secretaria de Produção e Agroenergia, do Ministério da Agricultura, com base em números da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O volume embarcado no período teve leve alta de 1,01%, para 1,072 milhão de toneladas ante 1,061 milhão de t nos primeiros oito meses de 2009. O preço médio de exportação teve elevação de 20,03% no período, de US$ 2.204/t para US$ 2.645/t. A receita cambial cresceu em todos os 15 principais destinos do café verde brasileiro no acumulado de janeiro a agosto de 2010. Os destaques, em termos porcentuais foram: Venezuela (222,66%), Canadá (26,42%), EUA (25,08%) e Finlândia (24,63%). O principal comprador de café verde brasileiro até agosto, em volume, foi a Alemanha, que apresentou queda de 1,04% ante 2009. O segundo principal importador foram os Estados Unidos (alta de 1,08%). Entre os principais compradores, cresceu o volume embarcado para Venezuela (208,09%), Canadá (12,49%), Países Baixos (11,06%), Itália (1,35%), Argentina (1,03%)e Eslovênia (0,69%). Em termos porcentuais, houve forte retração no volume vendido principalmente para Espanha (9,18%), Bélgica (-9,12%) e Suécia (-7,68%).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.