Tamanho do texto

Empresa de fertilizantes, cujo controle foi vendido pela Bunge à Vale, anuncia cronograma de investimentos.

A Fosfertil, empresa de fertilizantes, planeja investir R$ 4,07 bilhões até 2016, dos quais R$ 3,2 bilhões serão aplicados em projetos de aumento da capacidade de produção. O restante será aplicado em melhorias, manutenção e programas ambientais e saúde ocupacional.

O projeto mais importante de investimento da empresa é o Salitre, em Minas Gerais, orçado em R$ 2,6 bilhões. A empresa aplicará  R$ 800 milhões no projeto de exploração mineral em Patrocínio (MG) e outros R$ 1,8 bilhão serão destinados à construção de um complexo industrial químico, em local ainda não definido.

A ideia original da Fosfertil é produzir 2 milhões de toneladas por ano de minério. Na área industrial, a empresa prevê processar 560 mil toneladas de ácido fosfórico, um insumo intermediário usado na produção de fertilizantes. No início do ano, a Fosfertil teve seu controle alienado pela americana Bunge à mineradora brasileira Vale.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.