Clientes do Bradesco terão acesso móvel grátis ao sistema do banco

Por Brasil Econômico |

compartilhe

Tamanho do texto

Clientes poderão fazer operações no banco pelo celular sem precisar ter plano de dados da operadora de telefonia

Brasil Econômico

O Bradesco anuncia na última segunda-feira (10) uma iniciativa inédita no País: vai disponibilizar aos clientes acesso gratuito ao banco pelo telefone celular. Clientes poderão realizar operações financeiras, consultas e acessos a sites e aplicativos da instituição disponíveis para os segmentos Varejo, Exclusive e Prime. O benefício é valido para planos pré e pós-pagos das principais operadoras brasileiras de telefonia. Para acessar o serviço Bradesco pelo Celular não será preciso ter um plano de dados das operadoras.

AE/ITACI BATISTA
Clientes Bradesco poderão fazer operações no banco pelo celular sem precisar ter plano de dados da operadora de telefonia

Hoje, 3,2 milhões de clientes do Bradesco já se utilizam do celular para realizar operações bancárias, o dobro na comparação com 2012. “Com esse serviço vamos acelerar a curva de crescimento dos acessos aos nossos serviços via celular. É o canal de relacionamento com o cliente que mais cresce, e mais vai crescer nos próximos anos”, afirma o vice-presidente do Bradesco, Maurício Machado de Minas.

Em 2013, mais de 800 milhões de transações foram realizadas por meio do Bradesco Celular, um crescimento de 130% em relação ao ano anterior. O número já ultrapassa o total de operações realizadas no canal de atendimento ao cliente por meio de telefonia fixa, o Fone Fácil Bradesco.

“O acesso à conta gratuito pelo celular vai favorecer também a inclusão financeira, pois estaremos franqueando um canal de atendimento extremamente popular e de fácil manejo”, completa Minas.

Entre os serviços mais utilizados estão, pela ordem, transferências entre contas, pagamentos de boletos e operações via home broker. No total, o volume financeiro do Bradesco Celular alcançou, no ano passado, a marca de R$ 5,6 bilhões, 400% superior a 2012. “Nossa expectativa é dobrar o número de clientes que usam o celular para se relacionar conosco até o final deste ano. Serão mais de 6 milhões de clientes”, informou Luca Cavalcanti, diretor de canais digitais do Bradesco.

Veja também: Pressionada por evolução tecnológica, empresa terá de ouvir mais os funcionários

O Bradesco disponibiliza diversas opções de aplicativos, que foram projetados para atender a todos os públicos e cobrem cerca de 80% das necessidades dos clientes. São 22 aplicativos para iPhone, 16 para iPad e 13 para Android, além daqueles oferecidos para Windows Phone e BlackBerry. Cada um desses aplicativos foi desenhado para oferecer, além de transações bancárias comuns, outros serviços de interesse do usuário. Os clientes que investem em ações podem conferir cotações, índices e moedas pelo aplicativo Bradesco Trading. Os universitários, além de consultas e movimentos da conta, podem conferir suas notas na faculdade e controlar suas faltas. Ao todo, já foram feitos mais de 7 milhões de downloads desses aplicativos.

Aplicativos do serviço Bradesco Celular com acesso à conta são o Bradesco Varejo, Exclusive, Prime, Universitários, Click Conta (para adolescentes) e Trading (Home Broker).

O acesso à conta corrente pelo celular pode ser feito também por meio dos endereços bradesco.com.br ou bradescoprime.com.br. O acesso via tablets não está incluso.

Leia tudo sobre: bradescotecnologia móvelserviços

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas