Basf anuncia cortes por demanda fraca na Europa

Os cortes na área de vendas e em alguns locais de produção no sul da Europa e na Grã-Bretanha devem afetar cerca de 400 postos de trabalho da maior fabricante de produtos químicos do mundo

Reuters |

Reuters

A Basf vai cortar custos em sua unidade de químicos para construção e vai vender um negócio na Suíça devido à queda na demanda do sul da Europa e da Grã-Bretanha.

Os cortes na área de vendas e em alguns locais de produção no sul da Europa e na Grã-Bretanha devem afetar cerca de 400 postos de trabalho da maior fabricante de produtos químicos do mundo.

A Basf planeja vender a Meyco, com base na Suíça, que produz máquinas de pulverização para tunelamento e mineração.

Leia tudo sobre: NEGOCIOSEMPRESASBASFCORTES

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG