WASHINGTON (Reuters) - O ex-presidente regional do Federal Reserve William Poole afirmou nesta quarta-feira que a recente intervenção do governo norte-americano nos mercados financeiros eleva a possibilidade de empresas fora dos setores bancário e financeiro buscarem empréstimos federais para ajudar seus negócios. É ingenuidade acreditar que empresas não financeiras nunca entrarão em uma campanha política para obter empréstimos do Federal Reserve, afirmou Poole em seminário organizado pela empresa de pesquisa Macroeconomic Advisors.

Poole afirmou que desde que o Fed interveio para evitar um colapso do banco de investimento Bear Stearns em março, as autoridades não fizeram o suficiente para esclarecer os limites das redes de segurança do governo.

'O Fed e o Tesouro não fizeram nada para definir os limites do acesso aos recursos do Fed', afirmou ele.

O colapso de uma grande companhia aérea ou fabricante de automóveis pode também causar um grande dano na economia como um todo e assim justificar uma ajuda do governo, afirmou Poole.

'Com o precedente do Bear Stearns, não será fácil dizer não na próxima vez', afirmou Poole.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.