A operação do Ibama Corcel Negro detectou, no Paraná, fraudes para o "esquentamento" de carvão vegetal de origem ilegal. Foram embargadas um total de cinco empresas e as multas somaram R$ 13,4 milhões.

A operação do Ibama Corcel Negro detectou, no Paraná, fraudes para o "esquentamento" de carvão vegetal de origem ilegal. Foram embargadas um total de cinco empresas e as multas somaram R$ 13,4 milhões. Em vez de importar carvão do Paraguai - para o qual as autorizações eram emitidas, o carvão vinha de desmatamentos ilegais. Nos lugares em que deveriam funcionar companhias que comercializam carvão havia casas, igrejas e outros estabelecimentos.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.