Um empresário japonês, de 75 anos, foi preso nesta quinta-feira, em Tóquio, acusado de aplicar um gigantesco golpe de pelo menos 126 bilhões de ienes (1,4 bilhão de dólares), que teria feito 37.000 vítimas, informou a imprensa local.

mis-roc/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.