NOVA YORK - O multimilionário mexicano Carlos Slim cogita investir US$ 250 milhões no jornal The New York Times, afirmou nesta segunda-feira a publicação, que conseguiria, assim, uma injeção de capital para enfrentar seus problemas financeiros.

O periódico destaca que o conselho de administração do jornal deve se reunir ainda nesta segunda para aprovar a operação, que "poderia ser anunciada na terça-feira", mas também adverte de que "ainda há detalhes que precisam ser finalizados e que também é possível que o acordo fracasse".

A operação entre Slim, considerado um dos homens mais ricos do mundo, e a Times Company se dá em um momento em que a empresa de comunicação precisa de financiamento perante a queda das vendas de publicidade.

A empresa editorial do jornal solicitou recentemente um empréstimo de US$ 225 milhões para lidar com a situação, colocando como garantia da operação a sede de Manhattan, um edifício de 52 andares do qual possui 58% e do qual uma parte não está hipotecada.

Slim, que atualmente já possui 6,4% da Times Company, poderia fazer um investimento de até US$ 250 milhões nos próximos dez anos, indica o jornal.

A Times explica que, com o investimento, "que se parece com um empréstimo", o empresário mexicano "espera obter dividendos anuais, talvez até de 10%".

Se o acordo for concretizado, Slim "será o acionista majoritário da Times Company, com um terço" dos títulos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.