Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Empresa de semicondutores ASML espera vender menos e corta vagas

SÃO PAULO - A ASML Holding, empresa européia de equipamentos semicondutores, anunciou nesta quinta-feira que diminuiu suas estimativas de vendas e, como forma de cortar custos, vai demitir mais de 10% de sua força do trabalho, o que representa cerca de mil funcionários. A previsão da empresa agora é que as vendas do quarto trimestre venham entre 450 milhões de euros e 500 milhões de euros, resultado abaixo do estimado em outubro, quando a empresa projetava vendas de 530 milhões de euros. Nós nunca vimos tal mistura de queda na demanda final, fracos preços de memória e acesso restrito ao capital para nossos clientes, afirmou no comunicado Eric Meurice, o diretor-executivo da empresa. A companhia também antecipa que os negócios nos primeiros seis meses de 2009 serão substancialmente menores. Com as notícias, as ações da ASML caíram 12% no pregão holandês.

Valor Online |

Antes disso, os papéis da empresa já registravam perdas de 45% ao longo desse ano.

(Vanessa Dezem | Valor Online com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG