Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Emprego industrial tem maior alta semestral desde 2002

O aumento de 2,7% no emprego industrial no primeiro semestre deste ano é a maior expansão já apurada pelo IBGE, nesse indicador, em primeiros semestres, desde o início da série, em 2002, segundo destacou a economista Isabella Nunes, da coordenação de indústria do instituto. Segundo ela, o bom desempenho do mercado industrial está refletindo o patamar elevado de produção do setor e está sendo puxado exatamente pelos segmentos que são destaque na atividade, como máquinas e equipamentos, material de transporte e produtos eletrônicos.

Agência Estado |

"O emprego está em patamar elevado", afirmou.

Por outro lado, Isabella destacou que os segmentos mais empregadores da indústria, como calçados e vestuário, prosseguiram com resultados negativos na ocupação no primeiro semestre, o que impede um crescimento ainda mais vigoroso do emprego industrial. Apesar da influência negativa desses segmentos, Isabella observou que "cerca de 70% da indústria estão em crescimento no emprego".

Sobre os resultados do emprego industrial relativos a junho, Isabella ressaltou que é "consistente" o cenário revelado pelo crescimento consecutivo apurado há 24 meses ante igual mês do ano anterior.

Na comparação com o mês anterior, Isabella explicou que a expansão da ocupação de 0,5% é uma "estabilidade" que responde aos resultados da produção industrial de janeiro a maio deste ano, quando o setor ficou estável em patamar elevado. Segundo ela, a aceleração nos resultados industriais de junho só vai rebater na indústria se for confirmada como tendência e daqui a cerca de três meses, tempo mínimo de defasagem dos reflexos de atividade no mercado de trabalho.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG