Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Emissora dos EUA transmitirá documentário sobre era Pinochet

Nova York, 18 ago (EFE) - A emissora pública PBS emitirá amanhã o filme The Judge and the General (O Juiz e o General, em tradução livre), que tem como protagonista o juiz Juan Guzmán, encarregado em 1998 de investigar os primeiros casos criminais contra o ex-ditador Augusto Pinochet. O documentário se apresenta no espaço P.O.

EFE |

V. (point of view), um dos mais prestigiosos e antigos na televisão pública americana.

Os autores do filme são Elizabeth Farnsworth, uma jornalista americana de televisão com ampla experiência em relações internacionais e assuntos latino-americanos, e o chileno Patrício Lanfranco, também com uma ampla trajetória em informação televisiva no Chile.

Farnsworth explicou em entrevista à Agência Efe que a "obsessão" pelo Chile começou em 1970, quando, muito jovem, foi a esse país para trabalhar como auxiliar em um filme, e que conheceu o juiz Guzmán em 2002, quando trabalhava na Universidade de Berkeley, em San Francisco.

"Ele me fascinou. Parecia um personagem de romance, muito interessante, transparente e no meio de uma transformação grandíssima, portanto decidi com Patrício fazer um documentário", explicou.

O filme relata que a nomeação por sorteio do juiz Guzmán, um magistrado conservador do Tribunal de Apelação que apoiou Pinochet, foi acolhida com ceticismo por parentes de vítimas da ditadura quando apresentaram acusações criminais contra o ditador.

No entanto, o espírito idealista e o desejo de descobrir o que verdadeiramente ocorreu nos casos que lidava provocaram nele uma profunda mudança e acrescentaram seu propósito de superar a imunidade legal concedida ao ex-ditador.

"É a história de sua transformação depois que, por acaso, realmente, começou a investigar", ressaltou Farnsworth.

"The Judge and the General" acompanha a investigação de Guzmán do caso do sociólogo Manuel Donoso, uma das vítimas da chamada Caravana da Morte, em alusão ao percurso que fazia o general Sergio Arellano, mão direita de Pinochet, por diferentes localidades para decidir quem devia ser executado.

A produção deve estrear no Chile nos dias 23 e 24 no Festival Internacional de Cinema de Santiago. EFE vm/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG