RIO - A Eletrobras fechou o primeiro trimestre com lucro líquido de R$ 738,3 milhões, uma alta de 628% na comparação com o ganho de R$ 101,3 milhões nos três primeiros meses do ano passado. O balanço do primeiro trimestre foi reapresentado hoje, desta vez com a incorporação dos resultados de Furnas.

RIO - A Eletrobras fechou o primeiro trimestre com lucro líquido de R$ 738,3 milhões, uma alta de 628% na comparação com o ganho de R$ 101,3 milhões nos três primeiros meses do ano passado. O balanço do primeiro trimestre foi reapresentado hoje, desta vez com a incorporação dos resultados de Furnas. A controlada fechou os três primeiros meses com lucro líquido de R$ 190,71 milhões, 15,78% acima dos R$ 164,71 milhões do período janeiro-abril do ano passado. Devido ao atraso de Furnas, a Eletrobras havia apresentado, em 18 de maio, um lucro líquido de R$ 519,8 milhões. No resultado apresentado hoje, a Eletrobras informou uma receita operacional de R$ 5,621 bilhões, 7,7% abaixo os R$ 6,087 bilhões do primeiro trimestre de 2009. A queda foi compensada pelo recuo das despesas operacionais, que caíram 12,3%, passando de R$ 5,457 bilhões para R$ 4,784 bilhões, elevando o lucro antes do resultado financeiro em 32,7%, de R$ 630,4 milhões para R$ 836,7 milhões. Já o lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) atingiu R$ 1,750 bilhão, 22,1% acima dos R$ 1,434 bilhão do primeiro trimestre do ano passado. Em relação a Furnas, o Ebitda subiu 10,85%, passando de R$ 446 milhões para R$ 494 milhões. (Rafael Rosas | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.