A fabricante sueca de eletrodomésticos Electrolux anunciou nesta segunda-feira a demissão de 3.000 funcionários em todo o mundo e advertiu que não conseguirá cumprir as metas de resultados operacionais em 2008, em conseqüência da redução da demanda.

"Por causa de uma demanda menor de aparelhos nas duas últimas semanas de novembro e em dezembro, a Electrolux não alcançará seus objetivos de 2008", afirma a empresa em um comunicado.

"Diante do forte retrocesso do mercado, a Electrolux reduzirá seu quadro de funcionários em mais de 3.000 postos no último trimestre de 2008 e em 2009", acrescenta a nota.

Leia mais sobre: electrolux

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.