A gigante francesa especializada em energia nuclear Electricite de France SA (EdF) informou hoje que assinou um acordo final com a companhia chinesa de energia nuclear China Guang Dong Nuclear Power (CGNPC) para construir e operar duas usinas atômicas na China através de uma joint venture. Segundo o executivo-chefe da EdF, Pierre Gadonneix, a companhia francesa pretende investir entre 600 milhões e 800 milhões de euros gradualmente.

A EdF terá 30% da parceria por um período de 50 anos. A EdF planeja investir em reatores de água pressurizada na China. O primeiro dos reatores, produzidos pelo grupo nuclear francês Areva, deve ser entregue em 2013 e o segundo em 2015.

A joint venture deve ser submetida para aprovação final do governo chinês, informou a EdF. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.