Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Economistas revisam em baixa previsões sobre PIB da Alemanha

Berlim, 20 nov (EFE) - O Conselho Assessor de Economistas do Governo alemão, os chamados cinco sábios, revisou para baixo as previsões econômicas para o país apresentadas há apenas uma semana. Em vez de um aumento do Produto Interno Bruto (PIB) de 1,7% neste ano, os cinco acadêmicos já estimam um crescimento de 1,5%, informou hoje o presidente do Centro para Pesquisa Econômica Européia (ZEW) e membro do conselho Wolfgang Franz, em Stuttgart. Para o próximo ano, os sábios inclusive contam com uma contração econômica de 0,2%, em vez do crescimento de 0% previsto no relatório apresentado no último dia 12. Franz justificou a revisão com os novos dados sobre a evolução do PIB no terceiro trimestre publicados pelo Escritório Federal de Estatística depois que o Conselho Assessor divulgou seu relatório. De acordo com estes dados, o PIB se contraiu 0,5% no terceiro trimestre, após uma queda de 0,4% no segundo trimestre, o que colocou a Alemanha em situação de recessão técnica. Franz afirmou que, por enquanto, não se vislumbra o final da crise financeira. É uma doença completamente nova. Agora estamos tirando o paciente da Unidade de Terapia Intensiva, depois nós veremos, disse o especialista, para quem o problema dos cartões de crédito nos Estados Unidos é uma das bombas de relojoaria que ainda fazem tique-taque nesta crise.

EFE |

O sistema de múltiplos cartões de crédito usado nos EUA -em parte foram financiadas as dívidas contraídas com cartões contratando novas - é tão complexo que, por enquanto, não é possível prever o volume do dinheiro da dívida dos cidadãos, destacou. EFE ih/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG