Tamanho do texto

SÃO PAULO (Reuters) - O membro da diretoria do Banco Central Europeu Mario Draghi afirmou que existe um perigo de confiança excessiva na política monetária e que os governos, em lugar disso, devem buscar impulsionar os gastos públicos. Finalmente, e falando como representante do Banco da Itália (BC italiano), existe um alto risco de que uma confiança excessiva na política monetária nos leve a uma armadilha de liquidez, afirmou Draghi em anotações para uma apresentação para as autoridades financeiras do G20, cuja cópia foi vista pela Reuters neste domingo.

"Nós então precisamos buscar uma expansão fiscal, quanto antes melhor, segundo as nossas limitações", afirmou ele, segundo as anotações.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.