O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC), do Ministério da Justiça, abriu processo administrativo contra as empresas de telefonia celular Claro e TIM. O motivo é o descumprimento das novas normas estabelecidas para os serviços de call center.

As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.