Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dow Jones opera no azul; Nasdaq sobe mais de 2%

SÃO PAULO - O setor corporativo centra as atenções em Wall Street nesta segunda-feira. Ao mesmo tempo que os agentes receberam a notícia de um acordo entre Pfizer e Wyeth, ficaram conhecendo uma lista de empresas que planejam cortar pessoal.

Valor Online |

No grupo das companhias que querem eliminar vagas está a Caterpillar, que comunicou corte de 20 mil empregos depois de registrar lucro trimestral 32% mais enxuto em conseqüência de uma forte redução na demanda.

A Sprint Nextel foi mais uma a se juntar à onda de demissões - vai suprimir 8 mil postos, a maioria deles até 31 de março.

Na área de fusões e aquisições, a Pfizer anunciou nesta segunda-feira que aceitou desembolsar US$ 68 bilhões para comprar a rival Wyeth, no maior acordo no segmento farmacêutico em quase uma década.

Os participantes nas praças acionárias de Nova York consideram ainda dados econômicos dos EUA, como o crescimento das vendas de imóveis usados no país no mês de dezembro.

Minutos atrás, o Dow Jones aumentava 1,68%, aos 8.213,20 pontos. O Nasdaq somava 1.511,20 pontos, com elevação de 2,30%. O S & P 500 ganhava 2,13%, ficando em 849,71 pontos.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG