Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dow Jones fecha em baixa de 5,05% devido a dados econômicos negativos

Nova York, 5 nov (EFE) - O índice Dow Jones Industrial das bolsas de Nova York fechou hoje com queda de 486,01 pontos (5,05%), aos 9.139,27 pontos, após a divulgação de dados de emprego no setor privado piores que o esperado e de uma forte contração no setor de serviços em outubro nos Estados Unidos.

EFE |

O mercado Nasdaq perdeu 98,48 pontos (5,53%), aos 1.681,64 pontos, enquanto o indicador S&P 500 baixou 52,98 pontos (5,27%), aos 952,77 pontos.

O índice composto NYSE, que reúne as ações cotadas em Nova York, baixou 332,92 pontos (5,25%), aos 6.012,17 pontos.

A euforia com a qual muitos americanos receberam a vitória do democrata Obama não foi refletida em Wall Street, que começou o pregão com perdas e acelerou as perdas perto do fechamento.

Os investidores acordaram com ressaca pós-eleitoral ao perceber a grande tarefa que Obama tem pela frente no setor econômico quando assumir o cargo, em janeiro.

Os analistas se perguntam sobre suas receitas para tirar o país da crise na qual se encontra e começam a fazer apostas sobre quem será o próximo secretário do Tesouro.

A divulgação de dados econômicos negativos durante o pregão foi um balde de água fria para Wall Street.

A empresa de análise Automatic Data Processing (ADP) informou que o setor privado dos Estados Unidos empregou em outubro 157 mil pessoas a menos que em setembro, frente a uma perda de 100 mil empregos prevista pelos analistas.

Wall Street costuma levar em conta os dados de ADP como um indicador do que poderiam ser os números oficiais de desemprego do Governo, que serão divulgados na próxima sexta-feira.

Também não ajudaram a levantar os ânimos os dados do Instituto de Gestão de Fornecimento (ISM, em inglês), que anunciou que a atividade no setor dos serviços nos Estados Unidos diminuiu com força em outubro e mais que o previsto pelos economistas, após dois meses seguidos de crescimento.

As ações da Time Warner desceram 6,28%, até US$ 10,15, após anunciar que, entre janeiro e setembro de 2008, lucrou US$ 2,63 bilhões, 21,6% a menos que nos nove primeiros meses de 2007.

As bolsas de Nova York movimentaram no pregão 1,308 bilhões de ações, frente aos 2,187 bilhões de títulos do Nasdaq.

As obrigações a dez anos subiram no mercado secundário de dívida e ofereciam uma rentabilidade, que se movimenta em sentido inverso, de 3,68%, contra 3,73% de terça-feira. EFE bj/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG