Nova York, 21 jul (EFE).- O índice Dow Jones Industrial da Bolsa de Nova York fechou hoje com queda de 0,25%, após a alta do preço do petróleo, da queda das ações das farmacêuticas e apesar de os resultados do Bank of America terem sido melhores que o esperado por Wall Street.

O Dow Jones Industrial fechou com queda de 28,99 pontos (0,25%), até 11.467,58 unidades, após 21 dos 30 ativos que o compõem fecharem no vermelho.

Já o mercado Nasdaq caiu 3,25 pontos (0,14%), para 2.279,53 unidades, após a queda das ações da Microsoft (0,85%), Dell (1,03%), Amazon (0,93%) e Google (2,6%), entre outros.

O seletivo S&P 500 terminou com queda de 0,68 pontos (0,05%), até 1.260 unidades.

O índice NYSE fechou com alta de 45,89 pontos (0,54%), até 8.499,74 unidades.

Wall Street fechou à espera de conhecer depois do fechamento os resultados trimestrais da Apple, American Express, Texas Instruments e as farmacêuticas Merck e Schering-Plough.

Os investidores estiveram atentos durante o pregão ao preço do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve), de referência nos Estados Unidos, que subiu US$ 2,16 na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), até US$ 131,04.

O encarecimento do petróleo repercutiu na redução das ações das companhias aéreas: AMR, empresa matriz de American Express, teve queda de 5,61%; Delta, de 5,34%; Continental, de 8,33%; e United Airlines, de 8,44%.

A Bolsa de Nova York movimentou durante o pregão 1,208 bilhão de ações, frente aos 1,829 bilhão de títulos do Nasdaq.

No mercado secundário da dívida, as obrigações a dez anos subiram e ofereciam uma rentabilidade, que se movimenta em sentido contrário, de 4,05%, contra 4,09% do fechamento de sexta-feira. EFE bj/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.