Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dow Jones encerra com ganho de 2%, mas Nasdaq cai

O mercado norte-americano de ações chegou ao fim do dia com os principais índices em direções divergentes, o Dow Jones e o S&P-500 em alta, depois de três dias consecutivos de quedas, e o Nasdaq em baixa. As ações do setor de energia subiram, em reação à alta dos preços do petróleo, na véspera da reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que deverá reduzir a produção.

Agência Estado |

O índice Dow Jones fechou em alta de 172,04 pontos, ou 2,02%, em 8.691,25 pontos. A mínima foi em 8.243,55 pontos e a máxima em 8.795,99 pontos. O Nasdaq fechou em queda de 11,84 pontos, ou 0,73%, em 1.603,91 pontos. O S&P-500 subiu 11,33 pontos, ou 1,26%, para fechar em 908,11 pontos. O NYSE Composite avançou 41,46 pontos, ou 0,74%, para 5.671,93 pontos.

As bolsas abriram em baixa, em reação ao informe de que o número de execuções de hipotecas nos EUA cresceu 71% no terceiro trimestre, em comparação com o mesmo período de 2007. Mas a declaração da presidente da Corporação Federal de Garantia de Depósitos dos EUA (FDIC, na sigla em inglês), Sheila Bair, de que está em preparação um plano para ajudar os mutuários a evitar a tomada de seus imóveis pelos bancos, aliviou um pouco a preocupação dos participantes do mercado.

"O mercado só repicou três vezes este mês, e todas elas foram em reação a intervenções do governo. O que nós precisamos, mesmo é uma recuperação baseada em notícias fundamentais", comentou o analista Ryan Detrick, da Schaeffer's Investment Research.

Das 30 componentes do Dow Jones, 19 ações fecharam em alta, com destaque para as do setor de petróleo (ExxonMobil ganhou 9,01% e Chevron subiu 8,15%). Algumas ações que haviam sofrido quedas fortes nos últimos dias tiveram altas expressivas, como Boeing (+8,41%) e 3M (+5,76%). No setor financeiro, as ações do Goldman Sachs caíram 5,34%, em reação a informes de que a instituição vai demitir mais de 10% de seus 32.500 funcionários para cortar custos. As da Xerox, que anunciou 3 mil demissões, recuaram 3,38%.

No setor de tecnologia, as ações da Amazon.com caíram 0,48%, em reação a seu informe de resultados. As da Microsoft, que divulgaria resultados depois do fechamento, subiram 3,67%, mas outras ações do setor caíram, pressionando o Nasdaq, entre elas Intel (-0,48%) e Hewlett-Packard (-5,90%). As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG