Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dólar sobe 0,13%, a R$ 1,575, com fluxo negativo

O dólar oscilou pouco hoje ante o real e fechou em alta, por causa do fluxo cambial negativo. Houve saídas de recursos de empresas importadoras, disse um operador de um banco estrangeiro.

Agência Estado |

O recuo da moeda ao nível de R$ 1,57 também abriu espaço para um ajuste técnico, diante da cautela dos investidores com a rica agenda externa na semana e o déficit em conta corrente do Brasil no primeiro semestre, divulgado hoje. Com US$ 17,402 bilhões de déficit, o resultado foi o pior da série histórica, iniciada em 1947.

As antecipações de rolagens de contratos de dólar futuro na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), com predominância das apostas no avanço das cotações, também influenciaram ainda a correção do dólar à vista. No fechamento, o dólar comercial subiu 0,13%, a R$ 1,575, assim como o dólar negociado à vista na BM&F.

Contudo, o avanço das cotações teria sido limitado hoje por expectativas de ingressos de recursos no País dado o atraente diferencial de juros interno e externo e também relacionados à venda de ativos da MMX mineração à Anglo American.

Apesar das saídas de recursos do mercado hoje, os investidores estão contando com um fluxo cambial favorável no curto prazo. Uma das operações mais esperadas é o fechamento da venda de ativos da MMX Mineração e Metálicos para a Anglo American. No início do ano, a Anglo anunciou a compra de 51% da MMX Minas-Rio e de 70% da MMX Amapá, por US$ 5,5 bilhões. De acordo com o fato relevante enviado pela MMX ao mercado hoje, a venda de ativos para a Anglo American estará concluída em 5 de agosto.

No exterior, o dólar operou em queda ante o euro e o iene, enquanto o petróleo subiu. A cautela dos investidores com o calendário de indicadores norte-americanos da semana também pesou sobre o dólar no exterior. A semana conta com as divulgações da preliminar do Produto Interno Bruto (PIB) de segundo trimestre e os dados de empregos, ambos nos EUA.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG