Juro cai com IPCA no centro da meta - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mantega: Juro cai com IPCA no centro da meta

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou ontem que os juros só serão reduzidos quando a inflação retomar patamar próximo ao centro da meta de inflação, fixado em 4,5% até 2010. Simultaneamente, ele ponderou que a taxa básica de juros, a Selic, não vai prejudicar o crescimento econômico do País porque a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), referência para os empréstimos do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) às empresas, se mantém em nível baixo, viabilizando os investimentos na ampliação do parque produtivo.

Redação com Valor Online |

 

Ontem, a moeda americana caiu 0,43% e fechou cotada a R$ 1,620.

Agenda

A agenda do dia reserva poucos indicadores tanto no âmbito doméstico quanto no externo. O destaque por aqui é a Pesquisa Mensal de Emprego, que deve apontar estabilidade na taxa de desemprego em 7,8% durante o mês de julho.

Nos Estados Unidos, atenção para o índice de indicadores antecedentes, conjunto de dados que tenta prever o comportamento da economia nos próximos meses. Também serão apresentados a evolução semanal nos pedidos por seguro-desemprego e o índice de atividade do Federal Reserve (Fed), banco central norte-americano, da Filadélfia.

Foco mesmo no comportamento do preço do dólar e das commodities, binômio que vem determinando o rumo dos negócios na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) e a formação da taxa de câmbio. Ontem, a alta no preço das matérias-primas garantiu mais um pregão de alta na Bovespa e valorização para o real.

A semana acaba com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), que deve confirmar o arrefecimento dos preços no começo de agosto. A previsão é que a inflação oficial fique em 0,40%, contra 0,63% apurados no mês anterior.

Leia mais sobre dólar

Leia tudo sobre: dolar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG