Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dólar registra valorização de 1,67% nesta terça; Bovespa opera em queda

SÃO PAULO - Em linha com o cenário externo pessimista e o aumento na aversão ao risco, a moeda norte-americana encerra a terça-feira em alta ante o real. O dólar encerrou as negociações cotado a R$ 2,372, uma valorização de 1,67%. O Banco Central vendeu dólares no mercado à vista, mas a atuação não teve efeito sobre o preço da divisa.

Redação com agências |

João Medeiros, diretor de câmbio da Pioneer Corretora, apontou o forte peso das bolsas de valores e do movimento global do dólar no mercado doméstico nesta sessão.

Medeiros ainda mencionou as preocupações dos investidores com o setor bancário e com a restrição de crédito, apesar das expectativas positivas por mais medidas econômicas, após a posse do novo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, nesta terça-feira.

A decisão do novo patamar do juro básico brasileiro, a ser divulgado na quarta-feira, também contribuía com o compasso de espera dos mercados, disseram operadores.

Segundo os dados mais recentes atualizados pela BM&F, o volume de negócios no mercado de câmbio à vista não chegava a US$ 1,3 bilhão nesta sessão. Apesar de maior do que na véspera ¿que foi feriado nos EUA¿, o volume negociado ainda equivalia a menos de metade da média total diária de dezembro.

Nesta terça-feira, o Banco Central vendeu US$ 2,46 bilhões  em um leilão de swap cambial tradicional para a rolagem de um lote de contratos que vence no início de fevereiro.

A autoridade monetária ainda anunciou uma nova pesquisa de demanda para esta sessão, a fim de medir as condições do mercado para a realização de uma nova operação desse tipo na quarta-feira.


Bolsa de Valores

As bolsas de valores no Brasil e em Wall Street seguem operando em território negativo após o discurso do novo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Em evento para milhões de pessoas, Obama fez um discurso voltado para o orgulho do norte-americano atingido pela crise e apelou para que todos "chacoalhem poeira" e sigam em frente.

Por volta das 16h30, a Bolsa registrava uma desvalorização de  1,87%, com o Ibovespa indicando 38.018 pontos.

(Com informações do Valor Online)

Leia tudo sobre: bolsa e dólar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG