Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dólar fecha em leve alta após leilões do BC

Por Jenifer Corrêa SÃO PAULO (Reuters) - Apesar da forte desvalorização dos mercados acionários globais, o dólar fechou a quarta-feira com alta moderada frente ao real após novas atuações do Banco Central.

Reuters |

A moeda norte-americana subiu 0,33 por cento, para 2,118 reais.

"De uma maneira geral, acho que a gente chegou a um patamar de acomodação. Vai haver ainda mais alguns ajustes, mas aquelas subidas e descidas abruptas tendem a ficar um pouco menores daqui para frente", considerou Vanderlei Arruda, gerente de câmbio da corretora Souza Barros.

Arruda observou que, com a forte queda das bolsas de valores --o principal índice da Bovespa despencava quase 6 por cento no final da tarde--, a tendência seria que o dólar tivesse uma valorização maior frente ao real. Em Nova York, o Dow Jones perdia mais de 3 por cento.

O gerente de câmbio também avaliou que as atuações do BC no mercado contribuíram para segurar a alta do dólar nesta sessão.

Além do leilão de swap cambial tradicional em que foi vendido o equivalente a 476 milhões de dólares, o Banco Central, realizou um novo tipo de leilão destinado especificamente a impulsionar o financiamento às exportações.

O resultado dessa operação sai ainda nesta quarta-feira, segundo a assessoria de imprensa do BC.

Ainda nesta quarta-feira, relatório divulgado pela autoridade monetária apontou que o fluxo cambial ficou negativo em 4,639 bilhões de dólares em outubro, confirmando a maior saída líquida mensal desde janeiro de 1999. Para analistas, o dado já estava precificado pelo mercado.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG